domingo, 26 de fevereiro de 2017

ÁGORA SOCIAL - QUANDO A HABITAÇÃO É PRIORIDADE

Desde dia 27 de novembro de 2014 que uma pequena equipa se lançou, quase em exclusivo, às questões da habitação. Disso tem a Câmara Municipal vindo a dar nota, de forma regular. Em que ponto estamos, 25 meses depois do abertura deste espaço?

19 projetos executados diretamente pela Câmara Municipal, uns com obra já executada, outros em fase de arranque.
Valor das intervenções - 231.860 €

Está em fase de conclusão a obra do Pátio dos Rolins, depois de um processo que de fácil pouco teve.
Valor da intervenção - 235.000 €

Está em fase de arranque o concurso público de reabilitação do Bairro do Carmo.
Valor da intervenção - 369.940 €

TOTAL DO VALOR ENVOLVIDO NESTES PROJETOS - 836.800 €

Avançam, de forma autónoma, projetos para cinco habitações camarárias. A ideia é aumentar o ritmo e a velocidade.

Não houve, nem haverá, espalhafato. Não houve, nem haverá, fotografias do presidente da câmara ou dos vereadores a entregarem as chaves aos moradores, com discursos labiosos e sorriso pepsodent. A habitação é um direito. Estamos e estaremos na linha da frente neste combate. Discretamente, mas com empenho e entrega.


As condições de trabalho já não são as que vemos nas iluminura medievais. Mas o esforço é, por vezes, bem semelhante...

Sem comentários: