quinta-feira, 21 de novembro de 2019

AMIANTO

É assunto recorrente, nos últimos tempos. Tem-se falado imenso na questão, a propósito das escolas. É uma preocupação justificada. Recordo-me das conversas tidas, em 2014, com os colegas da vereação (José Gonçalo, Céu Rato e Joaquim Simões), por causa desse assunto. E das análises que mandámos fazer, a uma entidade devidamente certificada. Os edifícios com cobertura de amianto eram algumas das escolas, o pavilhão gimnodesportivo e os pavilhões à entrada da feira. As partículas detetadas eram cerca de 20 vezes inferiores aos limites legais. Podíamos ficar descansados. Mas não ficámos. Foi dado início a um processo de reabilitação de imóveis. As escolas são, hoje, completamente seguras, além de terem tido outros melhoramentos, concluídos em 2016. No pavilhão gimnodesportivo foi removida a cobertura em amianto.

Só faltam o pavilhão da feira e a escola profissional.

Pavilhão de exposições e Escola Profissional

Sem comentários: